Página Principal > Infectologia > Sífilis: O tratamento que a diretriz recomenda (Conduta médica em Infectologia)

Sífilis: O tratamento que a diretriz recomenda (Conduta médica em Infectologia)

Esta semana, falamos sobre as consequências do desabastecimento global de penicilina para o tratamento da Sífilis. Por isso, na nossa publicação semanal de conteúdos compartilhados do Whitebook Clinical Decision, trazemos o tratamento da Sífilis, atualizado a partir da última diretriz divulgada pelo Ministério da Saúde. Você pode conferir abaixo a recomendação.

As melhores condutas em Infectologia você encontra no: Whitebook Clinical Decision! Baixe grátis.

Este conteúdo deve ser utilizado com cautela, e serve como base de consulta. Este conteúdo é destinado a profissionais de saúde. Pessoas que não estejam neste grupo não devem utilizar este conteúdo.

Sífilis primária:

  • Penicilina G benzatina 2,4 milhões UI IM em dose única (1,2 milhão em cada nádega).
  • Para alérgicos: Doxiciclina 100 mg VO de 12/12 horas por 14 dias OUTetraciclina 500 mg VO de 6/6 horas por 14 dias OU Ceftriaxone 1-2 g IM/EV por 10-14 dias.

Sífilis Secundária e Latente Precoce (< 1 ano):

  • Penicilina G benzatina 2,4 milhões UI IM em dose única (1,2 milhão em cada nádega).
  • Para alérgicos: Doxiciclina 100 mg VO de 12/12 horas por 14 dias OUTetraciclina 500 mg VO de 6/6 horas por 14 dias OU Ceftriaxone 1-2 g IM/EV por 10-14 dias.

 Sífilis Terciária e Latente Tardia (> 1 ano) (exceto neurossífilis):

  • Penicilina G benzatina 2,4 milhões UI IM 1x/semana por 3 semanas (3 doses no total).
  • Para alérgicos: Doxiciclina 100 mg VO de 12/12 horas por 28 dias OU Ceftriaxone 2 g EV 1x/dia por 10-14 dias.

 Neurossífilis:

  • Penicilina G Cristalina 3-4 milhões UI EV de 4/4 horas por 14 dias.
  • Para alérgicos: Ceftriaxone 2 g EV 1x/dia por 10-14 dias.

Referências Bibliográficas

  • Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas Infecções Sexualmente Transmissíveis. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Ministério da Saúde. Abril/2015.
Este conteúdo foi desenvolvido por médicos, com objetivo de orientar médicos, estudantes de medicina e profissionais de saúde em seu dia-a-dia profissional. Ele não deve ser utilizado por pessoas que não estejam nestes grupos citados, bem como suas condutas servem como orientações para tomadas de decisão por escolha médica. Para saber mais, recomendamos a leitura dos termos de uso dos nossos produtos.

Comentários

Texto

Deixe uma resposta