Página Principal > Medicina Interna > Mudanças que podem reduzir os erros médicos

Mudanças que podem reduzir os erros médicos

Estima-se que milhares de pacientes morrem todos os anos como consequência de erros médicos que poderiam ser evitados. Ao longo dos últimos anos, hospitais, médicos e pesquisadores têm focado em encontrar soluções para diminuir esse índice e melhorar a segurança do paciente. Veja algumas mudanças que estão contribuindo para esse objetivo:

500x120-usuarios

1) Técnicas cirúrgicas melhoradas: as cirurgias se tornaram mais eficientes e menos invasivas e debilitantes, graças a novos instrumentos de alta qualidade, novas técnicas apoiadas pela tecnologia e compartilhamento de melhores práticas e possíveis complicações. Mais recentemente, o uso de imagens em 3D e robôs cirúrgicos estão possibilitando cirurgias mais precisas. Aparelhos de realidade virtual viraram aliados na recuperação do paciente.

2) Procedimentos padronizados: o compartilhamento das boas práticas médicas têm ajudado a padronizar os principais procedimentos, evitando que cada profissional de saúde tenha que desenvolver suas próprias técnicas. Essa padronização permitiu que os médicos oferecessem um atendimento mais preciso, reduzindo infecções e outras consequências adversas.

3) Profissionais mais focados no paciente: chamado de “organização de alta confiabilidade”, os profissionais de saúde estão cada vez mais focados no cuidado ao paciente, alimentando uma cultura de confiança. No futuro, o poder estará nas mãos dos pacientes. Cada vez mais, a sociedade exigirá a presença de seus prestadores de serviço em saúde e quem não estiver disponível, certamente perderá em preferência. Presença será o novo fator de diferenciação.

250-BANNER5

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Referências:

Comentários

Texto

Deixe uma resposta