Página Principal > Saúde & Tecnologia > Investimentos: qual é a melhor alternativa para o médico?
tablet-photo

Investimentos: qual é a melhor alternativa para o médico?

Com tantos plantões e cirurgias, o médico nem sempre tem tempo para pensar em suas finanças. De acordo com uma pesquisa realizada pela PEBmed, a maior parte dos profissionais brasileiros está insatisfeito com seu rendimento financeiro. Apostar em um bom investimento, ao invés de deixar o dinheiro parado na poupança, pode ser uma saída para esse problema.

500x120-assinatura

É possível investir por conta própria, basta estudar e pesquisar bastante sobre o assunto. Mas como arrumar tempo para fazer isso, quando você tem mais 10 consultas até o final do dia e plantão no próximo? Esse é um problema comum entre os médicos e os poucos que se aventuram além da poupança acabam recorrendo à soluções mais simples:

“Atualmente, invisto meu dinheiro em aplicações de renda fixa como LCI e LCA. Parte do meu investimento é em fundos de previdência privada. Me considero como um investidor conservador e sempre investi priorizando muito mais a segurança do que a lucratividade. Já foi um enorme esforço pessoal mudar meus investimentos da “não tão boa e velha poupança” para renda fixa. Minha ignorância para com o mercado de investimentos me faz tomar decisões mais conservadoras”, conta Dr. Eduardo Moura, médico do CTI do hospital Caxias D’Or.

O problema nesses investimentos “conservadores” é que, na maioria dos casos, não há uma periodicidade benéfica. O profissional só investe quando sobra dinheiro no final do mês, mesmo não sendo exatamente a melhor opção e quantia.

“Atualmente não tenho um percentual líquido de investimento mensal. O que costumo fazer é que qualquer dinheiro extra que entre no meu orçamento que se acumule por um tempo, eu jogo em alguma modalidade de investimento que já tenho hoje”, fala Dr. Eduardo.

Essa falta de tempo e compreensão sobre o assunto acaba impactando diretamente na lucratividade do investimento.

“Acho que poderia render mais, mas não tenho tempo e acredito que a maioria dos médicos se encaixe nessa situação. A falta de tempo em estudar e me sentir mais seguro em uma aplicação financeira é o grande empecilho hoje”, explica Dr. Eduardo.

coins-1523383_640

Qual é a importância em fazer bons investimentos?

A maior parte dos médicos prefere trabalhar como autônomo, o que nem sempre garante estabilidade financeira. O profissional freelancer ainda tem que se preocupar em pagar os impostos que seriam automaticamente deduzidos do salário no regime de CLT.

Ou seja, em um mês você pode receber um bom salário e no outro acumular diversas contas e dívidas. Ter um “fundo de emergência” – que vá além da poupança e traga lucros reais e acima da inflação – para essas situações é fundamental.

Então, como driblar a falta de tempo e fazer investimentos inteligentes? Uma alternativa pode ser apostar na tecnologia como sua aliada. A Vérios é pioneira no Brasil no conceito de serviço de investimento automatizado. O CEO e cofundador da empresa, Felipe Sotto-Maior, fala mais sobre a questão:

“Não é difícil entender o motivo de muitas pessoas estarem na poupança por pura comodidade. Quem procura o banco percebe que o gerente indica investimentos que pagam maior comissão, não os que são bons para o cliente; quem já migrou para as corretoras se depara com uma infinidade de produtos e não sabe onde investir, sem falar na burocracia e nos sistemas nada práticos. Faltava no mercado uma solução descomplicada para as pessoas investirem com mais diversificação, menos custos e sem conflito de interesses”.

A Vérios pode ajudar você!

Quer investir seu dinheiro de forma prática e eficaz? A Vérios criou a carteira inteligente, uma carteira de investimentos automatizada. Usando tecnologia, a empresa permite que mesmo pessoas que não tenham familiaridade com o mercado financeiro invistam suas economias de forma profissional, com segurança e diversificação – e com a mesma facilidade de quem apenas transfere dinheiro para a poupança.

A empresa diversifica automaticamente seus recursos em títulos do Tesouro Direto e uma pequena parcela de ações das maiores empresas do Brasil e dos EUA. Para começar a investir, a aplicação mínima inicial é R$ 12 mil. E depois você pode fazer novos aportes a partir de apenas R$ 100, o que facilita sua capacidade de poupar e investir sem esforço.

A Vérios é a primeira empresa brasileira a tropicalizar o conceito de robô-advisor, ou serviço de investimento automatizado, que está revolucionando os investimentos pessoais nos Estados Unidos e na Europa. A ideia é proteger as pessoas de armadilhas do mercado financeiro como custos altos e indicações de investimento baseadas em comissões.

Para Bruno Lagoeiro, médico do Hospital Pró-Cardíaco RJ, a solução parece cair como uma luva:

“Como estou muito focado em revolucionar a prática médica no Brasil, acabo não tendo muito tempo para definir quais são os melhores investimentos. Comecei a aplicar com a Vérios e gosto da facilidade, de ver a consolidação dos meus investimentos e de perceber a rentabilidade diariamente. Faço tudo com um clique”, explica.

Os custos totais da carteira inteligente foram fixados em 0,95% ao ano sobre o valor investido, sem quaisquer surpresas ou taxas ocultas. A Vérios assume todos os custos de compra, venda, administração e custódia dos ativos da carteira do cliente e fica com o percentual que sobrar. Para comparar, os melhores fundos multimercados têm taxa de administração de 2% ao ano, sem contar outros custos como taxa de performance e encargos.

250-BANNER5

Ficou interessado? Saiba mais sobre a Vérios e comece hoje mesmo a investir com segurança: https://verios.com.br/.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

Comentários

Texto

Deixe uma resposta