Página Principal > Saúde & Tecnologia > Governo vai financiar mais de mil bolsas de residência
medico3

Governo vai financiar mais de mil bolsas de residência

O Ministério da Saúde financiará mais de mil novas vagas de residência (400 de residência médica e 600 de residência em área profissional da saúde, com ênfase nas residências multiprofissionais). As instituições interessadas podem enviar suas propostas até novembro.

500x120-usuarios

Podem concorrer às vagas: instituições públicas estaduais, municipais e do Distrito Federal, e instituições privadas sem fins lucrativos, exceto as federais vinculadas ao Ministério da Educação (MEC).

A expansão será feita por meio do programa Pro-Residência, que incentiva a formação de especialistas através de bolsas. As propostas devem ser enviadas por meio do Sistema de Informações Gerenciais do Pró-Residência, no endereço http://sigresidencias.saude.gov.br.

Novidades

Propostas que considerem as necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS) serão priorizadas. O intuito é responder as demandas decorrentes da “tríplice epidemia” – Zika, Dengue e Chikungunya – e do cuidado às pessoas com microcefalia. Programas de residência em regiões com maior concentração de casos da doença (Nordeste, Norte e Centro-Oeste) terão prioridade.

Além disso, serão priorizadas as especialidades de maior relevância para o SUS, como Clínica Médica, Ginecologia e Obstetrícia, Neurocirurgia, Pediatria, Psiquiatria, entre outras. Já na residência em área profissional da saúde, serão priorizadas áreas de concentração como a Atenção Básica/Saúde da Família, Atenção Clínica Especializada com ênfase em Infectologia, Enfermagem obstétrica, Neonatologia, Reabilitação, Vigilância em Saúde, etc.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

250-BANNER3

Referências:

  • http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/cidadao/principal/agencia-saude/26048-ministerio-da-saude-vai-financiar-mais-1-mil-bolsas-de-residencia

Comentários

Texto

Deixe uma resposta