Página Principal > Saúde & Tecnologia > 8 dicas para evitar uma experiência negativa com prontuários eletrônicos

8 dicas para evitar uma experiência negativa com prontuários eletrônicos

Na última semana, o Ministério da Saúde anunciou que os municípios têm até dezembro para adotar o prontuário eletrônico. Apesar de oferecer agilidade e segurança na prescrição, alguns pacientes acreditam que a tecnologia deteriora a relação com o médico. Veja o que você pode fazer para evitar esta experiência negativa:

500x120-amarelo

  1. Tente manter contato visual sempre que possível
  2. Antes de usar o prontuário eletrônico, explique ao paciente que você vai precisar preencher algumas informações importantes, mas que ainda está escutando, caso ele precise falar
  3. Deixe o paciente ver o que você está digitando
  4. Não digite continuamente
  5. Se possível, acrescente as informações apenas no final da consulta
  6. Peça desculpas antecipadamente por qualquer transtorno
  7. Não faça registros durante conversas mais sensíveis
  8. Escreva no papel primeiro e depois passe para o prontuário eletrônico

O uso do prontuário eletrônico vai permitir que o Ministério acompanhe as informações do paciente e como são investidas as verbas do SUS.

As melhores condutas médicas você encontra no Whitebook. Baixe o aplicativo #1 dos médicos brasileiros. Clique aqui!

banner250x250

Referências:

  • Medscape EHR Report 2016: Physicians Rate Top EHRs | August 25, 2016.

Comentários

Texto

Deixe uma resposta